Do alto do Aqueduto [3]

No processo de edição de imagem destas fotos optei por brincar um pouco, recorrendo a um estilo designado de Tilt Shift, cujo objectivo é simular fotografias de miniaturas e de maquetes a partir dos registos reais.
Quando comparada com exemplos perfeitos de Tilt Shift que podemos encontrar na Internet, esta minha experiência não está nada por aí além. Por outro lado, tendo em conta que se trata de uma estreia, penso que não ficou mau de todo. Contudo, não me vejo a recorrer com frequência a este estilo na edição de fotografias. Foi apenas uma brincadeira para variar um pouco.
Estas duas fotografias foram também registadas durante a travessia do Vale de Alcântara, percorrendo o Aqueduto das Águas Livres.

Anúncios

Publicado por

Miguel Bettencourt

Marido, pai, informático e entusiasta da fotografia. Corro, não só pelo prazer que a corrida me proporciona, mas sobretudo porque posso correr.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s