Don’t be a Yes Man

thingsweforget.blogspot.com

À semelhança de muitos outros países, também em Portugal o caminho para a resolução de problemas estruturais passa necessariamente por eliminar problemas intermédios, com especial destaque para aqueles que foram alimentados por nós, o povo, nas últimas décadas, e que em muito contribuem para o estado actual da democracia em que (sobre)vivemos. Um desses problemas tem a ver com os chamados boys (e girls, também). Trata-se de pessoas a quem prefiro chamar de yes man (ou men, infelizmente).
Vem isto a propósito desta notícia no DN dando conta de quase 1500 boys que receberam o subsídio de férias em 2012, contrariando o que aconteceu com a generalidade da função pública, por via do Orçamento do Estado.
E quem raio pensa que é o Seguro para vir mostrar a sua indignação relativamente a estes dados? Está o PS por acaso alheio à cultura do yes man no panorama político nacional, considerando igualmente as regiões autónomas e as autarquias?
Há que mudar urgentemente. Acredito que isto um mudará e darei o melhor de mim para que assim o seja. Não será no meu tempo, dificilmente venha ser no tempo da minha filha – a ver pela putalhada (putos…) que invade as jotas que proporcionam melhores perspectivas de emprego bom e bem remunerado -, mas alimento a esperança que se começarmos agora, daqui a duas ou três gerações a vida em sociedade será bem mais justa e equilibrada do que hoje.
Poderão dizer que se trata de uma utopia. Pois bem, sê-lo-á enquanto não começarmos a lutar (o voto é uma excelente arma) para alterarmos o rumo.
Anúncios

Publicado por

Miguel Bettencourt

Marido, pai, informático e entusiasta da fotografia. Corro, não só pelo prazer que a corrida me proporciona, mas sobretudo porque posso correr.

Uma opinião sobre “Don’t be a Yes Man”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s