Corrida matinal

Já consultei dois ou três quadros que analisam e comparam os prós e os contras entre correr de manhã, à tarde e à noite. Todos chegam praticamente às mesmas conclusões, sendo este, por exemplo, um deles.
Antes de mais, devo dizer que ainda não me aventurei na corrida nocturna. Já corri ao fim do dia, terminando a corrida ao anoitecer, mas meter quilómetros nas pernas como forma de passar um serão ou início de madrugada diferentes do habitual, isso ainda não fiz – uma destas noites…
Em relação à corrida matinal e à vespertina conheço-as bem, apesar de ter começado a correr com mais frequência de manhã há relativamente pouco tempo.

Tenho preferido correr pela fresquinha. Dá-me energia extra para o dia, seja no trabalho ou em casa, além de que nas tais comparações a minha corrida enquadra-se melhor na matinal. Mas há outras vantagens, considerando a minha corrida em particular e o gozo que tiro dela. De manhã há menos pessoas e carros a circular, logo menos ruído, o que é bom. As ruas estão mais vazias e isso dá-me mais liberdade para fazer percursos alternativos nas imediações da minha casa – esta manhã, por exemplo, depois de correr os cerca de 4 km habituais à beira-mar junto à baía da Praia da Vitória, corri mais 2 km nas ruas da cidade, desde as principais, no centro, às que circundam o coração da Praia. Proporcionou-me um gozo muito gratificante.

Correr de manhã é despertar com o sol, cumprimentando-nos mutuamente. E tenho o privilégio de o ver nascer na linha do horizonte, marcada pelo oceano. Tento resistir à tentação de interromper a corrida por breves segundos para registar o momento, mas nem sempre consigo –  a primeira das fotografias acima é prova disso mesmo, já a segunda foi tirada da marina da Praia da Vitória (clicar nas imagens para aumentar).
Não substituí a corrida matinal pela corrida ao fim da tarde, mas ultimamente tendo a dar-lhe prioridade em virtude dos motivos que referi. Continuarei a correr à tarde quando por qualquer motivo não tiver outra hipótese, até porque existem vantagens também na corrida ao fim do dia. Acontece é que eu prefiro as outras, as da manhã.
Anúncios

Publicado por

Miguel Bettencourt

Marido, pai, informático e entusiasta da fotografia. Corro, não só pelo prazer que a corrida me proporciona, mas sobretudo porque posso correr.

2 opiniões sobre “Corrida matinal”

  1. O único senão que tem, para mim, a corrida matinal é o que comer antes dela. Correr em jejum não me dá grande gozo, não tenho performance nem soltura.
    As horas a que mais gosto de correr são antes do almoço (um horário a que as pessoas normais não costumam ter acesso) ou ao final da tarde, antes de anoitecer.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s