Ascensão e queda da Factory Records

O meu percurso musical – na qualidade de mero apreciador, entenda-se – tem sido marcado pela minha preferência pela música inglesa, concretamente pelo british pop, em especial pelo movimento de Manchester, ou Madchester como é conhecido.
Em geral gosto de todos os géneros musicais, que é como quem diz “gosto de toda a música”, e ouço muitos estilos diferente: rock, jazz, clássica, calma, barulhenta, acústica, electrónica, etc, mas o que me marcou desde os meus 15 anos foram os grupos pertencentes ao Madchester, e outros que estiveram na origem deste movimento inglês. Ainda hoje não substituo referências como Joy Division, The Smiths, New Order, Happy Mondays e The Stone Roses por nenhumas outras. E posso adicionar mais algumas: The Chameleons, The Sound, The Charlatans… fico por aqui, senão não escrevo neste texto mais nada que não sejam nomes de grupos ingleses desde a década de ’70 até à actualidade.
O filme abaixo tem tudo a ver com o movimento de Madchester. Não se trata de documentário dedicado exclusivamente a ele, apesar de a editora Factory e este movimento terem andado de mãos dadas por força das circunstâncias.
Trata-se da história da ascensão e da queda da Factory Records, a editora musical independente com maior sucesso na história do pop rock britânico. Dali saíram coisas maravilhosas que ainda hoje, à beira de completar 41 anos de idade, me fazem vibrar e arrepiar os pêlos dos braços.
Anúncios

Publicado por

Miguel Bettencourt

Marido, pai, informático e entusiasta da fotografia. Corro, não só pelo prazer que a corrida me proporciona, mas sobretudo porque posso correr.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s