Blood Sugar Sex Magik

No verão de 1992, quase um ano após o seu lançamento (Set ’91), devorei o “Blood Sugar Sex Magik” como se fosse o último disco anunciado dos Red Hot Chili Peppers.

Em rigor da verdade confesso que não prestei grande atenção aos álbuns que se seguiram até hoje. Ouvi-os todos na íntegra, retive algumas músicas, mas nenhum outro disco dos Red Hot Chili Peppers agarrou-me como este o fez.

The Power Of Equality
If You Have To Ask
Breaking The Girl
Funky Monks
Suck My Kiss
I Could Have Lied
Mellowship Slinky In B Major
The Righteous & The Wicked
Give It Away
Blood Sugar Sex Magik
Under The Bridge
Naked In The Rain
Apache Rose Peacock
The Greeting Song
My Lovely Man
Sir Psycho Sexy
They´re Red Hot

Anúncios

Publicado por

Miguel Bettencourt

Marido, pai, informático e entusiasta da fotografia. Corro, não só pelo prazer que a corrida me proporciona, mas sobretudo porque posso correr.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s